quinta-feira, 14 de abril de 2016

Carlos Sarabando: O homem não pode ser uma ilha na sociedade

Carlos Sarabando Bola
Carlos Sarabando Bola, 76 anos, casado com Maria Madalena Gonçalves Anastácio, a sua Lena, dois filhos e netos, foi agraciado pela Câmara Municipal de Ílhavo no Dia do Município, segunda-feira da Páscoa, com uma condecoração honorífica — Medalha do Concelho em Vermeil —, por se dedicar «desde muito novo ao voluntariado, dando o melhor de si na construção de um Município sólido e próspero, através da sua participação ativa em várias associações culturais, sociais, desportivas e religiosas, em que foi dirigente, sempre com o espírito de serviço à comunidade e inquestionável amor à causa», como reza a nota lida na cerimónia camarária.
«O mérito que me foi atribuído pela CMI não é só meu porque devo muito à minha mulher, a Lena, que me acompanha na vida com o seu apoio; quantas vezes, quando eu estava desanimado e com vontade de sair de tantas ocupações, era ela que me estimulava a continuar, dando-me uma força especial para eu prosseguir», garante-nos o Carlos Sarabando.

Universidade Sénior atribuiu troféus

Para memória futura Na sexta-feira, 29, à noite, no Centro Cultural de Ílhavo, realizou-se a I Gala da Fundação Prior Sardo (FPS), ...